Autorizada redução de interstício para promoção de oficiais da PMDF

Medida antecipa em 50% o tempo que cada militar precisa cumprir no posto ou graduação antes de ser promovido

0
68

O Governo do Distrito Federal (GDF) autorizou a redução do interstício para promoção de oficiais da Polícia Militar (PMDF). A medida antecipa em 50% o tempo que cada militar precisa cumprir no posto ou graduação antes de ser promovido. O gesto, que tem se repetido ao longo desses quatro anos e beneficiou mais de oito mil militares, é visto como uma valorização aos profissionais das forças de segurança.

Decreto nº 44.047/2022, publicado em edição extra do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) de sexta-feira (23), autoriza a redução de tempo de promoção a oficiais policiais militares do DF nos seguintes quadros: saúde – médicos (QOPMSM), posto de capitão e primeiro-tenente; saúde – dentistas (QOPMSD), posto de capitão; administrativos (QOPMA), posto de capitão; especialistas em saúde (QOPMES), posto de capitão; e músicos (QOPMM), posto de capitão.

De acordo com a PMDF, recentemente houve redução de interstício para praças e oficiais da corporação. Foram promovidos 1.884 policiais militares do quadro de praças combatentes. As promoções de oficiais ainda serão definidas pelo governador.

Ainda segundo a corporação, entre 2019 e 2022 foram feitas seis reduções de interstício, uma ação que a PMDF considera “importante para a progressão funcional e valorização dos policiais militares, que têm trabalhado exaustivamente para a redução dos índices criminais no Distrito Federal”.

A redução de interstício tem previsão legal e ocorre na existência de vagas para promoção, além de previsão orçamentária.

Por Agência Brasília

Foto:  Reprodução Agência Brasília