GDF Presente reforma vias não pavimentadas de seis RAs

Obras são executadas em São Sebastião, Ceilândia, Paranoá, Planaltina, Sol Nascente/Pôr do Sol e Riacho Fundo

0
28

O GDF Presente começou a semana com foco total na manutenção de estradas das regiões administrativas (RAs). Desde segunda-feira (29), seis cidades receberam serviços de recuperação e nivelamento de vias não pavimentadas. O trabalho segue até o final da semana.

Em São Sebastião, está em andamento o Mutirão GDF Presente, que consiste na atuação conjunta de órgãos governamentais em ações de zeladoria. A iniciativa ficará na cidade até o final de junho e deve passar por 23 bairros, beneficiando mais de 118 mil moradores. “As estradas estavam ruins, em uma situação lamentável. E estão ficando muito melhores, mais seguras para a população, transitáveis”, avalia o administrador regional, Roberto Medeiros.

Nesta semana, chegou ao fim a recuperação da Avenida Principal, do bairro Capão Comprido. Agora, as equipes trabalham no tratamento de uma erosão localizada na Rua 13 do bairro. Estima-se que já foram usadas mais de 1.000 toneladas de resíduos de construção civil e restos de calçadas. Participam 12 pessoas, com apoio de 15 veículos, sendo nove caminhões trucados, duas motoniveladoras, duas pás carregadeiras, um rolo compactador e um caminhão pipa.

“Como é um terreno acidentado, por se tratar de uma região de morro, a água da chuva desce com muita velocidade para a Rua 13, o que causou a erosão e prejudicou demais a vida dos moradores”, afirma o coordenador do Polo Sudoeste, Leandro Cardoso. “Estamos trabalhando para melhorar essa situação, na medida do possível”, completa. A previsão é que o tratamento da erosão termine ainda nesta semana.

Em Ceilândia, as estradas do Incra 9, da Gleba 4, no Núcleo Rural Alexandre Gusmão, estão sendo niveladas. A ação é feita pelo Polo Rural, pela administração regional e pela Secretaria de Agricultura (Seagri) com resíduos de construção civil.

“Aos poucos, as vias vão ficando melhores, dando mais conforto e comodidade aos que passam e residem às margens das vias”, observa o coordenador do Polo Rural, Manoel Messias. “É um esforço conjunto com o objetivo de melhorar os acessos das estradas rurais, tanto para as chácaras como para as escolas, que são nossa prioridade”, acrescenta o administrador regional de Ceilândia, Dilson Resende.

Também está em andamento a recuperação de vias não pavimentadas na região do Café Sem Troco, no Paranoá; na Vila Buritis, na Vila Vicentina e na Rajadinha II, em Planaltina; e no bairro Gileard, na região do Sol Nascente/Pôr do Sol. Já no Riacho Fundo, os esforços são concentrados no Núcleo Rural Kanegae, com a execução de terraplanagem.

Participe

Solicitações de serviços, bem como elogios e críticas, podem ser registradas nos canais da Ouvidoria, pelo site ou pelo número 162, ou diretamente nas administrações regionais. É possível pedir reformas em quadras poliesportivas, recapeamentos de asfalto, podas de árvores, entre outras ações.

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/GDF Presente / Reprodução Agência Brasília