Eleições: Segurança registra seis incidentes no DF

No total, ao menos nove incidentes durante o segundo turno das eleições foram registrados em todo o Distrito Federal

0
81
Rio de Janeiro - Distribuição das urnas eletrônicas do TRE para os locais de votação nas eleições municipais de 2020, no pólo eleitoral Jardim Botânico. (Fernando Frazão/Agência Brasil)

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) registrou três incidentes relacionados ao segundo turno das eleições, na tarde deste domingo (30).

Segundo a corporação, em Samambaia, um eleitor precisou ser escoltado à Superintendência da Polícia Federal após utilizar o celular para registrar o momento do voto.

Já em Santa Mara, uma eleitora registrou um boletim de ocorrência após ser informada pelo presidente da seção que seu voto já havia sido computado.

Por fim, em São Sebastião, um homem foi autuado no 30ª Delegacia de Polícia por porte ilegal de arma de fogo. Neste caso, o flagrante foi feito pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Os crimes eleitorais foram encaminhados à Superintendência da Polícia Federal, no Setor Policial Sul. A Polícia Federal é responsável por atender ocorrências relacionadas a essa tipificação criminal.

A corporação destinou uma equipe para atuar em cada uma das dezenove zonas eleitorais no Distrito Federal.

Manhã

Durante a manhã, a Segurança já havia registrado outros seis crimes eleitorais. Um deles foi em Taguatinga, onde uma eleitora foi flagrada tirando foto da urna enquanto votava.

Em outra seção na mesma região, duas mulheres foram conduzidas à PF após discutirem. Em Águas Claras, outras duas também foram conduzidas pelo mesmo motivo.

No Recanto das Emas, cinco pessoas foram autuadas após boca de urna e desobediência. Em Santa Maria, duas mulheres foram conduzidas à PF após discussão. Um homem foi autuado por desacato a um mesário, em Planaltina.

Um dos fatos ocorreu em Taguatinga. Uma mulher foi flagrada tirando foto da urna enquanto votava. Em outra seção eleitoral na mesma região, duas mulheres foram conduzidas à PF após discussão. Em Águas Claras, outras duas foram conduzidas à PF após discussão e briga. No Recanto das Emas, cinco pessoas foram autuadas após boca de urna e desobediência. Em Santa Maria, duas mulheres foram conduzidas à PF após discussão. Um homem foi autuado por desacato a um mesário, em Planaltina.

Por Redação do Jornal de Brasília com informações de PH Paiva

Foto: Agência Brasil / Reprodução Jornal de Brasília