Troca de pavimento na Estrutural, sentido Plano Piloto, começa 05/11

Com início da concretagem da pista, duas faixas serão bloqueadas, no trecho do viaduto do Pistão Norte (Taguatinga) ao viaduto da DF-087 (no Jóquei). Investimento na obra é de aproximadamente R$ 55 milhões

0
119

O Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) informa que a segunda etapa das obras de recuperação asfáltica da DF-095, também chamada de Via Estrutural ou Estrada Parque Ceilândia (EPCL), terá início no dia 5 de dezembro.

Nessa data, começarão os serviços de concretagem da pista expressa. Com isso, duas faixas da via expressa serão bloqueadas, no trecho do viaduto do Pistão Norte (Taguatinga) até o viaduto da DF-087 (viaduto do Jóquei), e a marginal de Vicente Pires funcionará em sentido único (Taguatinga-Plano Piloto), do viaduto do Pistão Norte até o balão da rua 10-B, próximo ao Home Center Castelo Forte.

No horário das operações de fluidez no período da tarde, das 17h às 19h45, o fluxo de veículos funcionará no sentido Plano Piloto-Taguatinga.

Conforme havia se comprometido, o DER-DF está informando à população com a devida antecedência para evitar transtornos e permitir que motoristas tenham condições de se preparar, buscando rotas e horários alternativos.

Estão sendo investidos aproximadamente R$ 55 milhões nas obras de recuperação asfáltica da DF-095. Cerca de 100 operários estarão envolvidos na troca do pavimento asfáltico por pavimento de concreto, ao longo das seis faixas de rolamento, em um trecho de 24 km (somados os dois sentidos).

Quando estiver concluída, a obra vai beneficiar os quase 120 mil motoristas que trafegam pela DF-095, oriundos das cidades de Taguatinga, Ceilândia, Brazlândia, Vicente Pires e Águas Lindas. Além disso, as obras incluem a execução do sistema de drenagem, a sinalização horizontal e vertical e de obras complementares, paisagismo e canteiro de obras.

*Com informações do Departamento de Estradas de Rodagem do DF

Por Agência Brasília

Foto: Joel Rodrigues / Agência Brasília / Reprodução Agência Brasília