Fórum debate educação em tempo integral no DF

Evento faz parte das iniciativas da pasta para cumprimento da meta 6 do Plano Distrital de Educação (PDE)

0
15

Com a finalidade de promover o diálogo e a troca de experiências sobre a educação integral, a Secretaria de Educação do DF (SEEDF) realizou, na tarde de quarta-feira (9), o 1º Fórum Educação em Tempo Integral: reflexões e desafios curriculares. A solenidade reuniu professores que trabalham com o tema e contou com a presença do secretário-executivo substituto, João Mangabeira, da subsecretária de Educação Inclusiva e Integral, Vera Lúcia, além de representantes das 14 Coordenações Regionais de Ensino.

“O primeiro fórum de educação integral é muito importante para alcançarmos a meta 6 do Plano Distrital de Educação (PDE), que estabelece o objetivo de ampliar a oferta de educação em tempo integral para no mínimo 60% das escolas públicas, de forma a atender pelo menos 33% dos estudantes da educação básica, por meio da ampliação de, no mínimo, 10% ao ano da matrícula de educação integral nas unidades escolares já ofertantes, até o último ano de vigência do plano”, explicou João Mangabeira.

O PDE dialoga com um processo de construção em curso no país, em que a educação em tempo integral apresenta-se como foco do atual governo federal, figurando como política pública a ser implementada. No fim de julho, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, sancionou a lei que institui o Programa Escola em Tempo Integral. O programa pretende ampliar em 1 milhão o número de matrículas de tempo integral nas escolas de educação básica de todo o Brasil. Para isso, prevê um investimento de R$ 4 bilhões, divididos entre estados, municípios e o Distrito Federal, para que se possa expandir a oferta de jornada em tempo integral em suas redes.

O Plano Distrital de Educação dialoga com um processo de construção em curso no país, em que a educação em tempo integral apresenta-se como foco do atual governo federal, figurando como política pública a ser implementada

“É importante destacar que a educação em tempo integral vem com a força do governo federal e faz parte do plano de governo do governador Ibaneis Rocha desde 2019, quando foi criada a Subsecretaria de Educação Inclusiva e Integral”, disse Vera Lúcia. ”Agora, o governo federal está vindo com apoio técnico e financeiro para que a gente possa ampliar as matrículas em tempo integral para mais escolas”, ressaltou a subsecretária.

Objetivos

O fórum faz parte de uma série de ações que antecedem o Encontro Distrital de Educação em Tempo Integral, que será realizado em novembro. O objetivo do evento é contribuir para o diálogo, a reflexão e a formação continuada dos profissionais, além de canalizar as aspirações e expectativas da comunidade escolar da rede pública do Distrito Federal.

“O encontro chega para promover um espaço de troca de experiências, conhecimentos e estratégias educacionais importantes que vão culminar nesse grande encontro que está previsto para 8 de novembro”, finalizou Vera.

A promoção do Encontro da Educação em Tempo Integral e dos fóruns a ele vinculados tem como perspectiva o estabelecimento de espaços voltados para a busca da democratização do poder e da autoridade pública, estabelecendo elo entre o Estado e a sociedade. Os encontros, serão realizados ao longo do ano, de forma presencial e online, com momentos que possibilitam o acompanhamento das políticas públicas, favorecendo a construção de novas formas de exercício coletivo do poder político.

A articulação vai contribuir para fortalecer a participação social, de modo a se consolidar com as estratégias de envolvimento dos membros da comunidade escolar na formulação, acompanhamento e fiscalização de políticas de Estado.

*Com informações da Secretaria de Educação do DF (SEEDF)

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/SEEDF / Reprodução Agência Brasília