CLDF lança frente parlamentar de prevenção à depressão e ao suicídio

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio a cada ano no mundo

0
34
Depressão, suicidio

A Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) realiza sessão solene para lançar a Frente Parlamentar de Prevenção à Depressão, ao Suicídio e Valorização da Vida. O evento acontece nesta quinta-feira (10) às 19h no plenário e tem transmissão pela TV Câmara Distrital no canal aberto 9.3, além do YouTube.

Presidente da frente parlamentar, o deputado Eduardo Pedrosa (União) explica a iniciativa. “É importante criar uma Frente Parlamentar de Prevenção ao Suicídio e Valorização da Vida. Esse tem sido um problema que vem crescendo assustadoramente e precisa ser enfrentado e combatido, através da informação e atendimento à comunidade. Não dá mais para deixar o governo fechar os olhos para um problema tão grave, já que muitos estão sofrendo com a falta de um atendimento adequado do estado”.

No evento, há palestras de especialistas como Valéria Brito, representando o Ministério da Saúde, e da presidente da Associação Psiquiátrica de Brasília (APBR), Renata Figueiredo. Também participam do evento Carolina Prado, Carlos Guilherme, Elaine Bida, Anne Cipriano, Gisleno de Faria e Débora Salgado.

São membros da frente parlamentar os deputados Eduardo Pedrosa (União), Wellington Luiz (MDB), Martins Machado (Republicanos), Rogério Morro da Cruz (sem partido), Pepa (PP), Robério Negreiros (PSD), Thiago Manzoni (PL) e Jorge Vianna (PSD).

Depressão 

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio a cada ano no mundo. O Relatório Mundial de Saúde Mental de 2022, divulgado pela OMS apresenta que as consequências da pandemia da covid-19 revelam uma grande preocupação com a saúde mental da população mundial, pois apenas no primeiro ano da pandemia, 53 milhões de pessoas desenvolveram depressão e 76 milhões tiveram ansiedade, totalizando 129 milhões.

Segundo o Ministério da Saúde, entre os jovens de 15 a 29 anos, o suicídio aparece como uma das principais causas de morte mais recorrente, atrás de acidentes no trânsito, tuberculose e violência interpessoal.

No Brasil, mais de 12 milhões sofrem de depressão e os registros apontam para aproximadamente 14 mil casos de suicídio por ano, ou seja, em média 38 pessoas cometem suicídio por dia.

Por Redação do Jornal de Brasília

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil / Reprodução Jornal de Brasília