GDF Presente recolhe cerca de 90 toneladas de lixo na Estrutural

Além da limpeza da região, as equipes executaram a manutenção asfáltica e a desobstrução de bueiros

0
55

A Cidade Estrutural passou por diversas melhorias nesta semana. As equipes do programa GDF Presente terminaram nesta sexta-feira (24/03) uma série de serviços, entre eles o recolhimento de lixo e entulhos e a desobstrução de bueiros. Com isso, mais de 90 toneladas de materiais inservíveis foram retiradas das ruas da região.

De acordo com a Administração Regional do SCIA/Estrutural, essa era uma das principais demandas da cidade. “O GDF Presente veio em bom momento, pois além de reforçar o nosso efetivo e ações, promovemos uma grande limpeza. Recolhemos entulhos descartados de maneira irregular pelas ruas e avenidas da cidade, bem como a recuperação das principais vias que, em determinados trechos, por conta das chuvas, estavam em estado crítico”, destaca o administrador Alceu Prestes de Mattos.

Mattos ressalta que a administração, junto com outros órgãos do GDF, está criando mecanismos para intensificar a fiscalização do descarte irregular de inservíveis. “Atendemos uma demanda da população, porém estamos tentando sensibilizar a comunidade para o descarte correto dos resíduos”, afirma.

Durante os cinco dias de atuação na região administrativa, mais de 40 toneladas de massa asfáltica foram utilizadas para execução da manutenção das vias da cidade. O anel viário, que liga o setor de oficinas até a Unidade de Recebimento de Entulhos (URE), do Serviço de Limpeza Urbana (SLU), teve todo o trecho recuperado.

A via não pavimentada que dá acesso ao setor de chácaras da cidade também passou por manutenção. “Fizemos um trabalho emergencial de nivelamento do solo e revestimento da via, com resíduos da construção civil cedido pela SLU”, informa o coordenador do Polo Central do programa, Carlos Alberto dos Santos.

A iniciativa contou com a participação de servidores da Novacap, da Administração Regional do SCIA/Estrutural, do SLU, além de reeducandos do projeto Mãos Dadas da Secretaria de Administração Penitenciária (Seape).

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/GDF Presente / Reprodução Agência Brasília