HCB apresenta melhoria de índices de controle de infecções

Hospital teve resultado positivo em comparação com outras unidades do DF

0
49

O Hospital da Criança de Brasília José Alencar (HCB) apresentou, em 2022, melhoria nos índices de controle de infecções relacionadas à assistência. Os dados são provenientes de um relatório divulgado pela Gerência de Risco em Serviços de Saúde (GRSS) da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF). O HCB demonstrou bons resultados quando comparado com os outros hospitais quanto aos índices anteriores do próprio hospital, referentes ao ano de 2021.

Todos os hospitais que contam com serviço de internação precisam notificar a SES-DF sobre as infecções relacionadas à assistência. O HCB é avaliado em relação a quatro tipos de infecção associadas às sondas, cateteres e outros dispositivos usados nas internações. As avaliações são relacionadas à pneumonia associada à ventilação; infecção de corrente sanguínea relacionada a cateter; infecção urinária relacionada à sonda urinária; e infecção do sítio cirúrgico.

Segundo o infectologista e coordenador médico do Serviço de Controle de Infecção do HCB, Bruno Lima, os dados significam que o HCB teve redução no número de infecções em 2022. O médico explica que o resultado é positivo, inclusive, quando se consideram as doenças graves e complexas com que as crianças são diagnosticadas. “Nosso hospital é o que tem a maior complexidade do DF em pediatria – a internação é mais prolongada, a criança precisa de mais dispositivos. Mesmo assim, conseguimos diminuir a densidade de infecção e melhorar em relação aos outros, que têm complexidade menor”, comemora o médico.

*Com informações do HCB

Por Agência Brasília

Foto: Divulgação/HCB / Reprodução Agência Brasília