Saúde: mais de 8 milhões de atendimentos registrados

Titular da pasta destaca também a convocação de mais de 1,5 mil servidores e investimentos em tecnologias e infraestrutura

0
27

“Soluções avançadas de gestão, investimentos, convocação de servidores, parcerias e tecnologia. Foi com a soma desses esforços que a Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES) ampliou o atendimento à população ao longo de 2023.

Somente na rede de unidades básicas de saúde (UBSs), o número de assistência oferecida superou os 2,7 milhões. Já as cirurgias somaram 120 mil nos dez meses. Considerando todos os níveis de atenção, 2023 deve ser encerrado com mais de 8 milhões de atendimentos.

Mais que comemorar os resultados ao longo dos últimos 12 meses, é importante ressaltar ações que trarão melhorias à população por muitos outros anos. Adotamos medidas para que todo o investimento feito pelo Governo do Distrito Federal traga um atendimento de mais qualidade às pessoas e a quem está na ponta.

Ao longo do ano, foram convocados 747 profissionais de medicina e 241 de enfermagem, além de 565 especialistas em saúde. Houve ainda concurso para agente comunitário em saúde e agente de Vigilância Ambiental.

E para esses servidores trabalharem com eficiência, houve adequações na infraestrutura. Quando proporcionamos um ambiente melhor de trabalho aos servidores e pacientes, fazemos com que todos se sintam mais acolhidos.

Foram mais de R$ 74 milhões investidos ao longo do ano em contratos de manutenção predial para hospitais, UBSs e outras unidades, além de outros R$ 50 milhões investidos em equipamentos como incubadoras, bisturis elétricos e carrinhos de anestesia. Já o Samu recebeu 26 novas motolâncias.”

*Lucilene Florêncio, secretária de Saúde do DF

Por Agência Brasília

Foto: Tony Winston/Agência Saúde-DF/ Reprodução Agência Brasília