Política de Integridade estabelece diretrizes para boas práticas de governança

Publicação no DODF desta terça-feira (2) tem objetivo de implementar medidas para mitigar riscos e eventos que possam afetar o Iprev-DF na gestão dos benefícios e do patrimônio previdenciário

0
7

O Instituto de Previdência dos Servidores do Distrito Federal (Iprev-DF) tem dado passos importantes para criação do Programa de Integridade. Trata-se de uma série de ações realizadas para estabelecer, no âmbito da autarquia, um conjunto de mecanismos e procedimentos de gestão e auditoria para combater e mitigar qualquer risco de desvio ético ou moral interno, adotando medidas preventivas e corretivas necessárias para o combate à corrupção. Com esse objetivo, foi publicada nesta terça-feira (2), no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), a Política de Integridade Pública no âmbito do Iprev-DF.

‌A política implementada objetiva, em outras palavras, identificar e divulgar os valores, princípios, normas e diretrizes do Iprev-DF para o desenvolvimento do seu Programa de Integridade.

‌São premissas da nova política: incentivo e apoio ao desenvolvimento e aprimoramento de ações e manutenção de comportamento e de conduta alinhados a valores e princípios éticos, morais e legais. Tais ações devem atuar no sentido de consolidar e disseminar as boas práticas de governança.

‌A Política de Integridade Pública do Iprev-DF tem como diretrizes:

⇒ Incorporação de padrões elevados de conduta, ética e probidade nas relações pessoais e organizacionais, visando a criação de um ambiente de confiança e integridade, e a melhoria da prestação dos serviços;
⇒ Promoção do alinhamento institucional aos conceitos, valores, princípios e normas estabelecidos;
⇒ Atuação dos dirigentes, servidores e colaboradores com base na conformidade legal e em boas práticas de governança;
⇒ Capacitação permanente dos servidores e colaboradores em relação aos temas afetos à integridade pública, com o objetivo de alcançar a excelência na prestação dos serviços públicos;
⇒ Redução das vulnerabilidades organizacionais, utilizando-se, entre outros, dos procedimentos de identificação, análise, avaliação e tratamento de riscos de integridade;
⇒ Fortalecimento dos canais de comunicação interna e externa;
⇒ Consolidação de uma cultura de integridade que envolva a disseminação de informações, práticas, fatos relevantes que destaquem o comportamento ético e de integridade funcional e institucional e resultados auferidos.

‌A diretora de Governança, Projetos e Compliance, Sylvia Neves Alves, informa que a Política de Integridade Pública no âmbito do Iprev-DF será implementada em consonância com o Programa de Integridade que está em vias de aprovação pela Diretoria Executiva do Iprev-DF.

‌O Programa de Integridade, por sua vez, visa promover a adoção de medidas destinadas à prevenção, detecção, punição e remediação de fraudes, atos de corrupção e demais ações incompatíveis com a função pública.

‌“A publicação da Política de Integridade busca justamente estabelecer diretrizes para a estruturação do Programa de Integridade e reforçar o compromisso da autarquia previdenciária a valores e princípios éticos, construindo um Iprev-DF mais transparente, ético e íntegro”, afirma a diretora Sylvia.

*Com informações do Iprev-DF

Por Agência Brasília

Foto: Benné Mendonça/Seec-DF / Reprodução Agência Brasília